HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT
HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT
HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT

Mancha preta que surgiu no leito do Rio Muriaé é investigada 


REGIÃO

Amostras do material foram coletadas pela Prefeitura de Muriaé e enviadas para análise; resultado deve sair em 15 dias.

Uma mancha preta foi identificada há alguns dias no leito do Rio Muriaé. O caso preocupou moradores e foi denunciado à Prefeitura da cidade de Muriaé, que está investigando o tipo de material que foi despejado de forma inadequada no rio e de onde ele veio.

A analista ambiental que é diretora da Vigilância Ambiental do Município, Carla Morcerf, informou que na última segunda-feira (31) uma equipe da Secretaria de Saúde coletou amostras no local. “Quando identificamos que havia algum agente poluidor no rio, tomamos as providências para investigar de que o material é composto e qual a sua origem”, explicou.

A coleta seguiu para análise de um laboratório especializado, onde são avaliados cerca de 20 metais pesados e outros elementos, como óleos e graxas. O resultado deve ser divulgado em aproximadamente 15 dias.

Morcerf afirmou que a Prefeitura também vai fazer um trabalho de conscientização com empresas da região. “Para identificar a origem deste material, vamos realizar fiscalizações preventivas em todas as empresas e indústrias que possivelmente descartam materiais na rede de esgoto para orientar sobre quais materiais não podem ser jogados por prejudicar a saúde das pessoas”, disse.

Por fim, ela informou que o Executivo trata a situação de forma pontual e que o material não continua sendo despejado no rio. Ela declarou que boa parte já foi dispersada e deixou poucos resquícios no leito. Além disso, não houve mortandade de peixes.

O VIGILANTE ONLINE
Fonte: G1 Zona da Mata

FUPAC LEOPOLDINA

posts relacionados

FUPAC LEOPOLDINA