HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT
HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT
HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT
HORIZONTAL – TOP BANNNER SOL E NEVE, ASAS MOTOPEÇAS & FADECIT
“OXENTE” é a nova exposição da Casa de Leitura Lya Botelho em Leopoldina

“OXENTE” é a nova exposição da Casa de Leitura Lya Botelho em Leopoldina


“OXENTE” é a nova exposição da Casa de Leitura Lya Botelho em Leopoldina

Jornal O Vigilante Online. Notícias de leopoldina. Notícias Zona da Mata.

Inscrita no calendário da 15ª Semana Nacional dos Museus, promovida pelo Instituto Brasileiro de Museus (IBRAM) e Ministério da Cultura (Minc), “OXENTE”, a nova exposição produzida pela Casa de Leitura Lya Botelho foi aberta ao público na quarta-feira, 15 de fevereiro.

“OXENTE” é a nova exposição da Casa de Leitura Lya Botelho em LeopoldinaOXENTE busca ser um recorte do Nordeste brasileiro e sua importância histórica na formação do nosso país. Abordando os Ciclos da Cana de Açúcar e do Gado e buscando reproduzir em escala o engenho e a casa do sertanejo, a exposição visa estimular no visitante uma reflexão sobre aquela região e sua contribuição para a nossa história econômica através de sua produção açucareira e pecuária.

Não se pode falar do Nordeste sem falarmos do nordestino, tipo brasileiro tão bem descrito e representado nas artes plásticas, na literatura, cinema e teatro. Incluído foi, então, um espaço dedicado a homenagear 22 dos muitos excelentes autores daquela parte do Brasil. Produtos culinários típicos dos 9 estados que formam a região também mereceram destaque, assim como 2 figurinos originais do filme “A Luneta do Tempo”, escrito e dirigido por Alceu Valença.

Importante o visitante observar que todo o material empregado na exposição foi adquirido e confeccionado em Leopoldina, por leopoldinenses mantendo o compromisso da Casa de Leitura Lya Botelho em valorizar artistas, artesãos, mão de obra e comércio local.

Patrocinada pela ENERGISA e com o o apoio institucional da Fundação Ormeo Junqueira Botelho (FOJB), a exposição pode ser visitada, gratuitamente, de segunda a sexta-feira, das 08h00 às 11h30 e das 13h00 às 17h00 e aos sábados, das 08h00 às 11h30.

O VIGILANTE ONLINE
Alexandre Carlos Moreira

posts relacionados