SOL E NEVE
PIT STOP
ASAS MOTOPEÇAS

Prefeituras se unem para a implantação do Trem de Turismo Rio-Minas


O VIGILANTE ONLINE

Edição: José Augusto Cabral
O VIGILANTE ONLINE

Aconteceu na tarde desta segunda-feira, 10 de julho, na Prefeitura Municipal de Três Rios, uma reunião entre os prefeitos das dez cidades por onde o Trem de Turismo Rio-Minas, projeto realizado pela ONG Amigos do Trem, vai passar. Além de Três Rios, estiveram presentes representantes dos municípios de Chiador, Sapucaia, Volta Grande, Recreio, Leopoldina, Cataguases, Santo Antônio de Pádua e Palma.

No encontro, que foi solicitado pelo prefeito Josimar Salles, os dez prefeitos se comprometeram a firmar uma parceria para viabilizar o projeto, responsável pelo desenvolvimento sócio econômico de toda a região, contribuindo na geração de emprego e renda e no resgate da cultura da ferrovia no Brasil, sendo o primeiro trem turístico interestadual do país.

A iniciativa da Associação Amigos do Trem tem o objetivo de reativar a atividade ferroviária na região da Zona da Mata mineira e no Sul Fluminense através do turismo. O trecho tem 120 quilômetros de malha ferroviária e o trem terá capacidade para 800 passageiros por semana. A previsão de início da operação é para 2018.

A Prefeitura de Três Rios, empenhada em implantar a ideia na região, com a união das demais prefeituras por onde a locomotiva irá passar, visa, além das viagens, colocar também em funcionamento o projeto Ferrovia Escola, que capacitará os participantes, através de aulas práticas e teóricas, para trabalhar em ferrovias, abrindo oportunidades para quem quer ingressar no mercado de trabalho, numa iniciativa da Associação Amigos do Trem.

 O prefeito Josimar Salles agradeceu a presença de todos e destacou a importância da união dos gestores municipais. “Nós estamos aqui como parceiros e precisamos dessa união para colocar em prática esse projeto pioneiro que terá repercussão nacional, despertando ainda olhares internacionais, com certeza”, afirmou Josimar.

Paulo Henrique do Nascimento, presidente da ONG, lembrou que o investimento inicial será de aproximadamente R$ 700 mil, para a aquisição e transporte dos 15 vagões que serão utilizados.

Algumas questões, como cessão de estações e forma de ajuda financeira por parte dos municípios, foram levantadas pelos prefeitos, porém esclarecidas pelo presidente da ONG que afirmou que o DNIT está disposto em ajudar com a documentação das estações e como cada prefeitura pode colaborar, seja por iniciativa pública ou privada.

Participaram da reunião, além do anfitrião Josimar Salles, o prefeito de Chiador, Maurício Barbosa Monteiro, Fabrício dos Santos Baião, prefeito de Sapucaia, Jorge Luíz Gomes da Costa, prefeito de Volta Grande, José Roberto de Oliveira, prefeito de Leopoldina, João Batista, vice-prefeito de Cataguases, Josias Quintal de Oliveira, prefeito de Santo Antônio de Pádua, Hiram Vinícius Mendonça Finamore, vice-prefeito de Palma. O prefeito de Além Paraíba, Miguel Belmiro de Souza Júnior, não participou do encontro por não chegar a tempo em virtude de interdição na rodovia devido a um acidente.

No dia 1º de abril, integrantes da ONG Amigos do Trem estiveram em Leopoldina durante o transporte de três autos de linhas que estão sendo reformados, revitalizados e modernizados pela ONG em parceria com o DNIT, prefeituras da região e apoio técnico da VLI. Os equipamentos ferroviários foram trazidos de Juiz de Fora, e durante a passagem pela BR-116, a reportagem do jornal O Vigilante Online conversou com Paulo Henrique do Nascimento, presidente da Associação Amigos do Trem. Leia a matéria clicando aqui.

Fonte: Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Três Rios

Associação Amigos do Trem prevê início do circuito Rio-Minas para o começo de 2018

Mais Notícias