SOL E NEVE
PIT STOP
ASAS MOTOPEÇAS

Seminário em Leopoldina reúne trabalhos de escolas inovadoras


LEOPOLDINA


Dezoito escolas apresentaram 21 trabalhos no evento.

 Professores de 18 escolas, dos dez municípios sob a jurisdição da Superintendência Regional de Ensino (SRE) de Leopoldina, participaram nesta sexta-feira, 25 de agosto, do Seminário Regional Escola Inovadoras, com o tema “Por uma pedagogia do diálogo, da inspiração e transformação”. O evento é uma parceria entre a SRE, a Secretaria de Estado de Educação (SEE) e a Fundação Lema. Foram apresentados 21 projetos, no auditório do Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet), campus Leopoldina.

Durante o evento aconteceram cinco rodas de conversa com trocas de experiências sobre os objetivos e dinâmicas de cada proposta. A professora Gina Vieira Pontes, da rede distrital de ensino de Brasília (DF), apresentou um projeto desenvolvido no Distrito Federal, vencedor de vários prêmios nacionais, denominado “Mulheres Inspiradoras”. Trata-se, segundo a autora, de um trabalho com seus alunos sobre mulheres que inspiraram suas vidas. Os relatos foram transformados em livro.

A professora Gina Vieira Pontes e o diretor da SRE Leopoldina, Sidilucio Ribeiro Senra. Foto: O Vigilante Online

Ana Paula de Moura Ferreira Dias, analista educacional e assessora pedagógica da SRE Leopoldina, disse que a iniciativa tem como objetivo identificar as “dez práticas inovadoras dos professores das escolas estaduais da jurisdição da SRE”.

O Conservatório Estadual de Música Lia Salgado (CEM), de Leopoldina, participou com a apresentação da orquestra de flauta e violino, com os alunos da APAE, e uma apresentação do aluno cego Gladson Melo Costa, que cursa o 3º ano do Ensino Médio na Escola Estadual Sebastião Silva Coutinho e é também aluno do Conservatório. O projeto, batizado de APAExonados no CEM, segundo a diretora do Conservatório, Simone Seoldo, é uma prática conjunta desses alunos, “demonstrando que a música ultrapassa limites e vence barreiras”.

O Conservatório de Leopoldina participou com orquestra de alunos da APAE. Foto: Arquivo da SEE

A professora Valéria Dias, da Escola Estadual Professor Quaresma, de Cataguases, expôs o projeto “Lá perto da ponte do sabiá”. “Trabalhamos vários aspectos começando pela demarcação do território onde está situada a escola”, relatou. O propósito, segundo a professora, foi trabalhar através da fotografia e, a partir daí, promover a leitura de imagem e desenvolver argumentos em produção escrita de um jornal que noticie conteúdos de interesse das comunidades próximas à escola, incentivando a prática da leitura. “Ao mesmo tempo, o grupo de trabalho promoveu, como forma de aglutinar as pessoas, doação de mudas para o plantio e revitalização da área verde escolar”.

O evento contou com a participação de escolas estaduais, das redes municipais e privadas sob jurisdição da SRE de Leopoldina. Augusta Mendonça, Subsecretária de Desenvolvimento da Educação Básica, da Secretaria de Estado de Educação (SEE) acompanhou a apresentação do Seminário.

Conheça os demais projetos selecionados no endereço www.escolasinovadoras.tk

O VIGILANTE ONLINE
Fonte: Secretaria de Estado de Educação

Mais Notícias