Vândalos destroem 13 placas de trânsito em Leopoldina


 

LEOPOLDINA

Dentre as placas danificadas estão as de “Sentido Proibido”, “Probido Estacionar” e “Parada Obrigatória”.

Da Redação
Jornal O Vigilante Online

  Pelo menos 13 placas de sinalização de trânsito foram quebradas ou arrancadas nos últimos dias em Leopoldina. De acordo com as informações obtidas pela reportagem, 8 placas foram quebradas por vândalos no trecho entre o acesso ao Polo de Saúde Agostinho Pestana e as imediações da escadaria da Casa de Caridade Leopoldinense, na região central. Outros 5 postes com placas de trânsito também foram destruídos nas proximidades do Calçadão do Bairro Bela Vista. O secretário municipal de Serviços Urbanos, José Geraldo Cevidanes, esclareceu que os trabalhos para reposição das placas já foram iniciados pela Prefeitura, e fez um apelo para que as pessoas denunciem os autores destes atos de vandalismo, que causam prejuízos ao município.

Colocadas em locais estratégicos da cidade com o objetivo de melhorar o trânsito e evitar acidentes, a destruição das placas acarreta, além dos custos para sua recuperação, riscos para os condutores de veículos e pedestres.

Segundo o artigo 163 do Código Penal Brasileiro, quem destrói, inutiliza ou deteriora coisa alheia está sujeito a pena de um a seis meses de detenção, ou multa. No caso de patrimônio público, o dano é qualificado, e a pena aumenta para seis meses a três anos de detenção, além de multa.

O cidadão que presenciar qualquer ato de vandalismo ao patrimônio público, poderá informar à Polícia Militar através do telefone 190 ou através do Disque Denúncia 181.

posts relacionados